29 Abril 2017

Twitter 

You need to upgrade your Flash Player
Editais Abertos Patronage
Editais Encerrados Resultados Editais
Sistema de Eventos Licitações

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player

Powered by RS Web Solutions

Tabela de Pagamentos Ouvidoria
Quadro de Diárias Manual de Prestação de Contas
 Autenticar Documentos Valores de Bolsas

Reunião anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental acontecerá entre os dias 03 e 06 de setembro

  • PDF

cartaz-fesbeExiste crise de reprodutibilidade na ciência? Este é um assunto que tem despertado interesse em diversos centros de pesquisa tanto no exterior como aqui no Brasil e será um dos temas debatidos durante a XXXII Reunião anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBE) que, neste ano, acontecerá em Campos de Jordão, entre os dias 03 e 06 de setembro.

Segundo instituições internacionais como a Federation of American Socities for Experimental Biology, três fatores principais dificultam a capacidade de reproduzir resultados experimentais. Entre estes, a falta de definições uniformes, descrições pouco detalhadas do problema e lacunas na formação científica.

Outro problema enfrentado pela comunidade científica brasileira e internacional e que será debatido durante a FeSBE é a pressão de sociedades em diversos países contra a experimentação animal.  Qualidade dos biotérios, sanidade e bem estar animal, modelagem e genética de animais de laboratório, o uso de anestésicos corretos são tópicos de um curso durante a reunião anual.

O que será de nós em um futuro sem ciência, tecnologia e inovação? Este tema será abordado em uma mesa redonda que contará com a participação de Dalton Vassallo, presidente da FeSBE, Helena Nader, presidente da SBPC, Marcelo Morales (CNPq), Adalberto Vieyra (Capes), Hernan Chaimovich (Fapesp) e Luiz Eugênio Moraes Mello (Unifesp), e, em conferências.

A programação ainda tem conferências e simpósios sobre zika vírus e a contribuição da comunidade científica brasileira; medicina regenerativa e terapia gênica; imunodeficiência e autoimunidade; vacina contra dengue; rede brasileira para desenho, descoberta e desenvolvimento de fármacos; câncer e coração: novos paradigmas de diagnóstico e tratamento; biologia cardiovascular, renal e respiratória; microbiota; exercício físico; entre outros tópicos de interesse.

A programação é extensa e está disponível no site http://www2.fesbe.org.br/eventos/reuniao-anual2017/.