Serviços em saúde têm alta procura na SNCT

Serviços em saúde têm alta procura na SNCT
outubro 17 18:41 2012

sittEntre as diversas atividades realizadas na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), evento coordenado no Maranhão pela Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia e pela FAPEMA, está os serviços prestados na área de saúde que têm atraído muita gente. Stands montados no evento, que acontecendo até o próximo sábado (20) no São Luís Shopping, estão atraindo o público através de atividades que incentivem a prevenção de doenças e que encaminham ao tratamento médico específico, caso sejam detectados problemas de saúde. Entre os serviços oferecidos, estão a aplicação de vacinas e a aferição da pressão arterial.

No espaço montado pela Cruz Vermelha, dezenas de enfermeiras procuram convencer os visitantes da importância de se aferir a pressão arterial. Considerado o mal do século, a pressão alta é considerada uma doença silenciosa e, por isso, atinge em São Luís 17,7% da população. “Queremos conscientizar as pessoas que é necessário descobrir se ela tem o problema, para depois iniciar o tratamento”, explica Ana Luzia Frazão, coordenadora da Cruz Vermelha na SNCT.

Lá, também estão sendo aplicadas vacinas contra a febre amarela, tétano, tríplice viral, difteria-tétano, hepatite e H1N1. As aplicações fazem parte do calendário vacinal de saúde adulto. Nesses casos, não é necessária a apresentação da carteira nacional de vacinação para receber a dose. O controle é emitido posteriormente aos órgãos de saúde por uma enfermeira que permanece no setor para catalogar o índice de vacinação. “O que posso dizer é que o serviço é bastante procurado. Só no primeiro dia, vacinamos cerca de 100 pessoas e o número de pessoas que aferimos a pressão arterial chegou a 200”, afirma Ana Luzia Frazão.

Como o público é formado em grande parte por jovens, a orientação sobre a prevenção de gravidez indesejada, doenças sexualmente transmissíveis e AIDS, também faz parte das atividades organizadas pelos parceiros. “O trabalho de conscientização é muito importante. Fazer com que os jovens saibam dos riscos de contrair doenças sexualmente transmissíveis e hepatites”, esclarece a assistente social, Lisiane Castro, coordenadora do stand da Faculdade Fama-Pitágoras que montou um espaço para orientar aos jovens sobre esse assunto.

Essa aposta na prevenção também levou o Hospital Universitário Presidente Dutra, a investir em palestras sobre a educação sexual. “Nesta quinta-feira teremos um espaço com oficinas, enfermeiros e técnicos que vão falar com os jovens sobre a importância de se prevenir. A orientação sexual é importante e o jovem está sempre interessado em saber mais sobre o assunto”, analisa a enfermeira Geruza de Araújo, coordenadora do stand do Hospital Universitário na SNCT.

Glicemia e perigos na audição – Os profissionais estão executando um trabalho interdisciplinar no espaço, esclarecendo aos jovens sobre os mais diferentes tipos de situações na área de saúde. Um dos destaques é o serviço de glicemia capilar, para medir o nível de açúcar no sangue. O exame rápido pode ser feito mesmo que a pessoa não esteja em jejum, pois ele serve como um parâmetro para indicar se existe, ou não, a possibilidade do paciente estar com seu índice alterado, com propensão ao diabetes. “E como nós também estamos com nutricionistas, nós já encaminhamos pacientes para lá, para receber orientações sobre como se alimentar corretamente”, orienta Geruza.

Também chama atenção a atividade dos fonoaudiólogos, que estão trabalhando na orientação dos jovens sobre a necessidade de não ouvir som em volume acima do recomendável e do tolerado pelo ouvido humano, especialmente nos chamados fones de ouvido. As oficinas estão sendo feitas para priorizar o uso correto e racional do fone de ouvido. A estudante Priscila Carvalho aprendeu a lição. “Acho que isso é importante pra gente aprender os perigos a que estamos sujeitos quando abusamos no som alto”.

Os serviços em saúde vão continuar na oficina até o encerramento da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Exceto a aplicação das vacinas, que vai ocorrer até a sexta-feira (19). Enfermeiros vão ministrar oficinas de terapia ocupacional (no Hospital Universitário e no CEST) e de fisioterapia (no Stand do Hospital Universitário) já no stand do Uniceuma as atividades são voltadas para a saúde bucal. O horário de funcionamento da semana que acontece na área externa do São Luís Shopping é das 9h às 20h.

 

 

 

 

  Categorias: