Divulgado resultado do Prêmio FAPEMA 2013

Divulgado resultado do Prêmio FAPEMA 2013
outubro 03 22:29 2013

premio2013A Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA acaba de divulgar em sua página (www3.fapema.br) o resultado do Prêmio FAPEMA 2013, com 52 vencedores no total. A avaliação dos trabalhos concorrentes foi realizada nestas quarta (02) e quinta-feira (03). Neste ano, 155 projetos se inscreveram. A avaliação foi coordenada pela presidente da Fundação, Rosane Nassar Meireles Guerra, e contou com a presença da diretora científica da instituição, Cláudia Coelho, e da assessora de planejamento, Márcia Maciel. Dez consultores “ad hoc” de universidades realizaram a análise dos trabalhos.

O Prêmio Fapema premiará vencedores em nove categorias que englobam diversas áreas de conhecimento, desde as ciências humanas e exatas, até as empresas inovadoras e trabalhos que promovam o desenvolvimento humano. Em sua nona edição, o prêmio é tido como a mais importante premiação científica do Norte/Nordeste.

Durante a avaliação, os consultores elogiaram a qualidade dos trabalhos que estavam concorrendo. O professor da Universidade Federal do Piauí – UFPI – o engenheiro agrônomo João Batista Lopes, afirmou que a premiação é de grande importância para a produção do conhecimento científico no estado. “Já realizei outras avaliações e considero que a seriedade com que a diretoria da Fapema desenvolve a atividade, faz com que ano a ano tenhamos uma qualidade ainda melhor nos trabalhos”.

Os consultores apontaram como diferencial o fato do Prêmio Fapema incentivar não apenas a produção do conhecimento acadêmico, mas, também, a pesquisa em outras áreas, fora das instituições de ensino e pesquisa. “Vemos que o prêmio envolve a vida acadêmica sim, mas inclui ainda a área de inovação, de divulgação científica, do desenvolvimento humano e da empresa inovadora. Todas elas são extremamente importantes, pois mesmo que não desenvolvam a questão científica, elas valorizam muito a aplicação que se está dando a essa ciência”, observou o professor Luís Eduardo Aragon, da Universidade Federal do Pará – UFPA.

A opinião é reforçada pelo professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro – UERJ, Leosvaldo Marques Velozo que acredita que o trabalho é de grande importância para os pesquisadores como forma de impulsionar a pesquisa em todos os grupos: da iniciação científica ao pesquisador sênior. “E isso agrega muito valor à pesquisa do Maranhão e é um reconhecimento à ciência que todos fazem aqui”.

Este ano o prêmio tem como tema “Globalização e Ciência: Intercâmbio de Tecnologias para o Desenvolvimento do Maranhão”. O valor das premiações varia de R$ 2.000,00 a R$ 10.000,00 e no total serão distribuídos R$ 220 mil reais, além de troféus e medalhas. O objetivo maior é estimular e incentivar o pesquisador a desenvolver projetos que contribuam para o desenvolvimento do Maranhão e para a melhoria da qualidade de vida da população, bem como a popularização da ciência e tecnologia.

“O Prêmio Fapema tem superado as expectativas ano após ano, não apenas em números, mas, sobretudo, a qualidade dos trabalhos apresentados. É um reflexo do crescimento e amadurecimento da pesquisa científica maranhense, um conhecimento que trará importantes contribuições sociais ao Estado”, concluiu a presidente da Fapema, Rosane Guerra.

A cerimônia de entrega da premiação está marcada para o dia 25 de novembro, no Teatro Arthur Azevedo.

  Categorias: