Fábio Guedes Gomes assume a presidência do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap)

Fábio Guedes Gomes assume a presidência do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap)
abril 22 18:43 2020

O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) tem novo presidente. O prof. Fábio Guedes Gomes, atual presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Alagoas (FAPEAL), que ocupava a vice-presidência do Confap, substitui o ex-presidente, Evaldo Vilela, que foi empossado no dia 20/04, em Brasília-DF, para a presidência do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Vilela e Guedes, foram nomeados presidente e vice-presidente do Confap, em março do ano passado para o mandato (2019/2021). Fábio Guedes assumirá a gestão do Conselho até março de 2021, quando ocorrem novas eleições.

“É a primeira vez, desde o ano da criação do Confap, em 2006, que uma Fundação de Amparo à Pesquisa (FAP), da região nordeste do Brasil, assume a presidência do Conselho. Agradeço ao Prof. Evaldo Vilela pela parceria até aqui, aos Conselheiros pela confiança mais uma vez, e a equipe da Fapeal”, disse Guedes.

O novo Presidente também destaca o que a comunidade acadêmica e científica pode esperar da sua gestão à frente do Conselho: “Nosso compromisso é seguir numa gestão compromissada com as principais pautas da ciência brasileira, uma visão federativa e cooperativa entre as Fundações, agências federais de fomento e entidades representativas da comunidade científica, como SBPC, ABC, CONFIES, CONIF, ANDIFES entre outras. Assim, renovamos nosso espírito de trabalho coletivo, vamos em frente e contamos com os parceiros estaduais, como tem sido sempre.”

Fábio Guedes Gomes

Possui graduação em Ciências Econômicas (1997) e mestrado em Economia Regional (1999), ambos pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), atualmente Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). Doutor em Administração pelo Núcleo de Pós-Graduação em Administração (NPGA) da Universidade Federal da Bahia (2007), com área de concentração em Gestão Pública e Instituições. É professor da Graduação em Economia e dos Programas de Pós-Graduação em Economia Aplicada (PGEA) e Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação (PROFNIT) da Universidade Federal de Alagoas. Tutor do PET-Economia (2009-2015). Membro do Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento (Cicef). Membro do Conselho Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (CNCTI). Membro do Conselho Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti/AL). Membro do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (CMCTI/Maceió). Membro do Conselho Administrativo do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE).

É Diretor – Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL) desde janeiro de 2015. Em março de 2019 foi eleito Vice-Presidente do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), e em abril de 2020, assume a Presidência do Confap.

Nova Vice – Presidência

Com a disponibilidade da vaga de vice-presidente, os Conselheiros e Presidentes das FAPs votaram em reunião extraordinária por videoconferência, no dia 20/04, e decidiram por uma vice-presidência compartilhada, composta pelos cinco Diretores Regionais do Conselho:

  • Região Sul – Odir Dellagostin (Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul – FAPERGS).
  • Região Sudeste – Jerson Lima (Presidente da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro – FAPERJ).
  • Região Nordeste – Roberto Germano Costa (Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba – FAPESQ).
  • Região Norte – Mary de Fátima Guedes dos Santos (Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amapá – FAPEAP).
  • Região Centro-Oeste – Aguardando nomeação de representante.

O Conselho Nacional das FAPs

O Confap é uma organização sem fins lucrativos, que tem por objetivo promover uma melhor articulação dos interesses das agências estaduais de fomento à pesquisa científica, tecnológica e de inovação no Brasil. Criado em 28 de abril de 2006, congrega 26 Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs), e trabalha como parte ativa do Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social – Confap

  Categorias: