Governo do Maranhão premia trabalho de servidores públicos estaduais

O 1º Prêmio Servidor Pesquisador, organizado pela Escola de Governo em parceria com a Fapema, foi realizado na noite de sexta, 18/06

Governo do Maranhão premia trabalho de servidores públicos estaduais
junho 19 10:32 2021

Fruto de parceria entre a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), a Escola de Governo do Maranhão (EGMA) e a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI/MA), foi realizada na noite de sexta (18/06), de forma virtual, a solenidade do I Prêmio Servidor Pesquisador, com transmissão pelo canal do YouTube da EGMA.

 

A premiação inédita, instituída em maio do ano passado pelo governador Flávio Dino, por meio do decreto nº 35.818/2020, configura-se como o reconhecimento aos servidores estaduais que realizam pesquisas de relevância para o desenvolvimento, inovação, modernização e melhoria da prestação de serviços da administração pública no Maranhão.

O diretor-presidente da Fapema, André Santos, parabenizou a EGMA pela iniciativa. “Nós que fazemos a gestão pública nem sempre conseguimos transformar as nossas práticas de gestão em produção científica”, afirmou. “E essa iniciativa é importante pois o serviço público estadual do Maranhão tem sido referência no país”, prosseguiu.

 

O diretor da EGMA, Odair José Neves, ressaltou as ações desenvolvidas pelo órgão no governo Flávio Dino. “Estamos implantando o laboratório de inovação do governo, já temos uma pós-graduação em Gestão Pública, estamos desenvolvendo estudos para a implantação do mestrado e trabalhando para instituir o núcleo de pesquisa”, pontuou. “Vamos lançar uma revista e implantar um editora”, prosseguiu. “E é nesse conjunto de ações que precisamos entender o Prêmio Servidor Pesquisador”, complementou. “Ele vem para reforçar a implantação da cultura de pesquisa no serviço público e quem vai ganhar é a administração pública e toda a população”, concluiu.

 

O secretário de Inovação e Tecnologia, Davi teles, ressaltou que o prêmio irá gerar frutos. “O grande desafio é transformar a ciência e tecnologia em inovação e quem faz isso são os servidores públicos”, afirmou. “Sem servidor público não há direito social, desenvolvimento, nem vida digna”, prosseguiu. “E esse prêmio é uma forma de resgatar e reconhecer a importância do servidor público”, concluiu.

 

A mesa virtual de abertura foi integrada, ainda, pela pró-reitora de Pesquisa da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Rita Seabra, e pelo subscretário de Estado da Gestão, Patrimônio e Assistência dos Servidores (Segep), Adilon Filho.

 

Premiados
Foram premiados servidores nas categorias Pesquisador Iniciante e Pesquisador Sênior. Os três melhores artigos de cada categoria, receberam troféu e certificado de destaque emitido pela EGMA.

O 1º lugar “Servidor Pesquisador Iniciante” foi premiado, ainda, no valor de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais), enquanto o 1º lugar “Servidor Pesquisador Sênior” foi agraciado com o valor de R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais). Os demais servidores foram agraciados com certificado de menção honrosa e participação no Prêmio.

O processo de seleção consistiu em duas etapas, o Enquadramento e o Julgamento. Na primeira etapa, todas as propostas submetidas passaram pela análise de enquadramento, que consistiu na verificação preliminar do atendimento às normas estabelecidas no edital do Prêmio.

Na segunda etapa, as propostas enquadradas foram analisadas pelo Comitê de Avaliação, formado por professores que constituem o banco ad hoc da FAPEMA. As jornalistas Leidyane Ramos e Walline Guimarães, do Núcleo de Difusão Científica da Fapema, foram classificadas e concorreram, dentre os 10 finalistas da categoria Servidor Pesquisador Iniciante, com o artigo “Gestão da Inovação no Setor Público: a importância da administração de competências e habilidades de servidores inovadores”.

 

EIXOS

O Prêmio analisou artigos nos seguintes eixos:

  • Desenvolvimento Econômico e Cidadania – Erradicação da pobreza; trabalho, emprego e renda; participação popular e cidadania; educação; saúde; saúde do servidor público; economia rural; gestão ambiental; segurança pública; desenvolvimento sócio cultural.
  • Modernização e Inovação da gestão pública – infraestrutura e logística; eficiência energética; Planejamento urbano e acessibilidade; Governo digital; novas metodologias de gestão; Tecnologia da informação e Comunicação; gestão estratégica no setor público; gestão de processos.
  • Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas – análise de políticas públicas atualmente em execução pelo Governo do Estado quanto ao seu desenho, implementação e/ou mensuração de resultados e impacto

Confira os premiados

  Artigo "tagged" as:
  Categorias: