Lançamento de livro sobre educação das crianças negras no MA à época do Império será nesta quinta, dia 10, às 19h

dezembro 07 21:17 2020

SÃO LUÍS – O lançamento do livro “Instrução de crianças negras nas escolas de primeiras letras no Maranhão Imperial”, escrito pela pedagoga e servidora da Divisão de Capacitação e Desenvolvimento da UFMA, Mara Rachel Souza Soares de Quadros, ocorrerá no dia 10 de dezembro, a partir das 19h, e será realizado de forma on-line, por meio da plataforma Google Meet.

A obra é resultado da pesquisa de dissertação de mestrado que foi finalizado em 2016, sob orientação da professora Drª Iran de Maria Leitão Nunes, pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE). A publicação do livro é possível pelo incentivo da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), por meio do Edital nº 016/2018 – Sergio Ferretti Livros.

O livro é dividido em três partes e trata sobre a “ausência atribuída” às crianças negras nos espaços escolares no Maranhão oitocentista. Os capítulos “O negro na historiografia educacional brasileira: um breve percurso”, “Educar é civilizar: por um Maranhão civilizado” e “As crianças negras nas escolas de primeiras letras no Maranhão Imperial” abordam essa questão sob o ângulo historiográfico. A temática racial é objeto de estudo da autora desde a graduação em Pedagogia na UFMA.

A servidora enfatizou a importância desse momento. “O lançamento desse livro traduz uma satisfação pessoal e acadêmica, mas, especialmente, gera em mim um sentimento de que a difusão dos achados servirá para desconstruir a invisibilidade historicamente atribuída à criança negra do período imperial maranhense, quando a história da educação afirmou, durante muito tempo, que os bancos escolares não foram ocupados por crianças ‘de cor’ nesse período”, comentou.

A divulgação do livro contará com a participação da orientadora da pesquisa e do diretor científico da FAPEMA, João Batista Bottentuit Júnior. O link do evento será enviado aos convidados, em que quem tiver interesse em participar, pode solicitá-lo pelo e-mail mara.rachel@ufma.br.

 

Fonte: Ascom/UFMA

  Categorias: