Pesquisas apoiadas pelo Governo do Maranhão são apresentadas na SBPC

Pesquisas apoiadas pelo Governo do Maranhão são apresentadas na SBPC
julho 24 10:55 2019

A Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), UemaSul, Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) participam, até este sábado (27), da 71ª reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). A reunião é o maior evento de ciência da América Latina e reúne cerca de 10 mil pessoas, entre estudantes, professores, representantes de sociedades científicas, autoridades e gestores do sistema nacional de ciência e tecnologia do País.

Durante a SBPC, o Governo do Estado tem oportunidade de apresentar pesquisas que são apoiadas por meio de editais e que têm como objetivo a melhoria da qualidade de vida da população e o crescimento do Maranhão. Os acadêmicos e professores de todos os Centros de Ciências da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UemaSul) participam apresentando 15 trabalhos, contemplando todas as áreas de conhecimento científico. A estudante do curso de História, do campus Imperatriz, Iasmin Andrade, é uma das 26 estudantes da delegação que participa do evento e destaca a importância para a sua formação acadêmica.

“O SBPC proporciona um contato com pesquisadores de todas as áreas de conhecimento, possibilitando essa interdisciplinaridade que nos ajuda a ampliar a abrangência das nossas pesquisas. É uma grande oportunidade para o acadêmico mostrar para a comunidade a sua pesquisa e, a partir das avaliações, incrementar o seu trabalho”.

Na segunda-feira (22), o stand da rede de ciência, tecnologia e inovação do Governo do Estado recebeu os primeiros visitantes com a abertura do SPOT&C, uma área que reúne centenas de expositores, como universidades, institutos de pesquisa, agências de fomento, entidades governamentais, setor empresarial e outras organizações interessadas em apresentar novas tecnologias, produtos e serviços.

“Somos a mais nova universidade pública do Brasil e precisamos garantir que nossa instituição tenha a visibilidade necessária para viabilizar parcerias, ações de cooperação e convênios”, afirmou a reitora da UemaSul, Elizabeth Nunes Fernandes.

O diretor-presidente da FAPEMA, André Santos, e o secretário da Secti, Davi Telles, participaram da abertura do evento e destacaram a importância do evento que é uma vitrine para a divulgação científica.

  Categorias: