Presidente da FAPEMA se reúne com coordenadores para avaliar ações realizadas em 2012 e definir metas para 2013

Presidente da FAPEMA se reúne com coordenadores para avaliar ações realizadas em 2012 e definir metas para 2013
dezembro 13 21:19 2012

reunio_presidenteO diretor presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), Antonio Luiz Amaral Pereira, se reuniu na tarde de quinta-feira (13) com os coordenadores de setor da Fundação para fazer um balanço das atividades desenvolvidas pela entidade em 2012 e definir o planejamento e metas para 2013. “Este ano tivemos um grande incremento na área de ciência, tecnologia e inovação no Estado graças ao fomento dado pela FAPEMA a inúmeros projetos de pesquisa em diferentes áreas do conhecimento. Queremos avançar mais e para isso temo que ter um bom planejamento”, destacou  Antonio Luiz.

O fortalecimento de ações e políticas efetivas de promoção da ciência e tecnologia, implantadas pelo Governo do Estado e colocadas em prática pela FAPEMA marcaram o ano de 2012. Neste período, a publicação de editais diversificados possibilitou a utilização de recursos superiores a R$ 26 milhões de reais, aplicados em bolsas científicas, projetos de pesquisa e ações de incentivo à ciência no estado. Ao longo do ano foram publicados 49 editais, destinados a programas inserção de pesquisadores nas empresas e em projetos estratégicos para o Maranhão nas mais diversificadas áreas de conhecimento

A coordenadora do setor de Auxílios da FAPEMA, Mônica Virgínia Viegas Lima, apresentou durante a reunião o crescimento no setor que, segundo ela, foi de mais de 300%. “Diante dessa crescente demanda de pesquisadores por financiamento da FAPEMA, temos que nos adequar não só na questão da disponibilidade de mais recursos para os editais, como também de pessoal”, observou.

Durante a reunião a coordenadora de Planejamento e Assuntos Estratégicos da FAPEMA, Márcia Maciel, apresentou aos coordenadores uma planilha prévia com a relação de editais que serão lançados em 2013. O lançamento do pacote de editais está marcado para acontecer em fevereiro.  

Para o próximo ano está previsto a ampliação de recursos dos editais mais procurados da instituição, dentre eles: o Universal, que tem como finalidade mostrar o que está sendo produzido no Maranhão sobre ciência e tecnologia e possibilitar o intercâmbio e cooperação acadêmica (que teve recursos de R$ 3 milhões de reais em 2012); o edital AREC, de apoio à realização de eventos científicos; e o edital APUB, de apoio às publicações.

“Nós já estamos praticamente concluindo toda a parte de levantamento financeiro e com certeza os pesquisadores se sentirão satisfeitos, pois vamos aportar mais recursos para esses editais”, contou o presidente da Fundação.

 

 

  Categorias: