Sisteminha na Amazônia Maranhense é tema de workshop em municípios do Maranhão

Sisteminha na Amazônia Maranhense é tema de workshop em municípios do Maranhão
julho 01 17:01 2019

De 3 a 5 de julho, das 8h às 17, a Embrapa Cocais vai realizar o workshop “Levantamento, seleção e validação participativos de espécies de hortaliças componentes do Sisteminha na Amazônia Maranhense” em três cidades do Maranhão: Assentamento Santa Luzia em Governador Newton Bello (dia 3 de julho), Estação do Conhecimento da Vale em Arari (dia 4 de julho) e Assentamento Cristina Alves em Itapecuru-Mirim (dia 5 de julho), onde serão implantadas a tecnologia da Embrapa.

O workshop está dividido em duas partes: a teórica, com as palestras “Apresentação do Projeto HortAmazon e o Plano de Ação para o Maranhão”, “O Sisteminha e as possibilidades de modulação produtiva”, “A Matriz FOFA (Fraquezas, Oportunidades, Fortalezas, Ameaças) como ferramenta de análise de mercado” e “Apresentação da metodologia de levantamento, seleção e validação participativos de espécies de hortaliças”; e a parte prática, com a aplicação de dinâmicas participativas intituladas “Construção da Matriz FOFA  para a olericultura no município”, “Levantamento, seleção e validação de espécies de hortaliças” e “Apresentação e validação dos produtos do workshop”. O público-alvo são assistentes técnicos, extensionistas e agricultores e agricultoras familiares.

O evento conta com o apoio do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – Incra, Sistema SAF, composto pela secretaria de Estado da Agricultura Familiar – SAF, Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão – Agerp e Instituto de Colonização e Terras do Maranhão- Iterma, VALE, Centro Popular de Cultura e Desenvolvimento – CPCD e instituições municipais, como a Prefeitura de Arari, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, e ainda, Ministério da Agricultura, Meio Ambiente e Economia. O apoio financeiro é do Fundo Amazônia e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social – BNDES.

Fundo Amazônia – tem por finalidade captar doações para investimentos não-reembolsáveis em ações de prevenção, monitoramento e combate ao desmatamento, e de promoção da conservação e do uso sustentável das florestas no Bioma Amazônia, nos termos do Decreto no 6.527, de 1º de agosto de 2008. O Fundo Amazônia apoia projetos nas seguintes áreas: gestão de florestas públicas e áreas protegidas; Controle, monitoramento e fiscalização ambiental; manejo florestal sustentável; atividades econômicas desenvolvidas a partir do uso sustentável da floresta; zoneamento ecológico e econômico, ordenamento territorial e regularização fundiária; conservação e uso sustentável da biodiversidade; e recuperação de áreas desmatadas.

 

Fonte: Ascom/Embrapa Maranhão

  Categorias: