Expansão da Educação Superior é objeto de pesquisa

Expansão da Educação Superior é objeto de pesquisa
fevereiro 06 14:22 2015

b16b915feb0a061b74920548c6ba881dO olhar de um professor universitário para o crescimento de novas instituições de ensino superior assim como para o aumento do número de matrículas em cursos universitários despertou o interesse na pesquisa que tem como título, “Expansão da Educação Superior nos Cenários Local, Nacional e Internacional”, do professor Dr. Agnaldo José da Silva, da Universidade Federal do Maranhão.

“A motivação para a pesquisa derivou de minha inserção como professor universitário no Estado de Goiás, onde percebi a expansão do número de matrículas e de criação de instituições que ofertam esse nível de ensino, sendo que o principal agente destas transformações tem sido o governo estadual, criando a Universidade Estadual do Góias e o Programa Bolsa Universitária, destinada a estudantes carentes matriculados em instituições particulares”, explicou Agnaldo Silva.

A pesquisa que conta com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), por meio do Edital de Apoio a Publicação – APUB nº 036/2013, tem como proposta compreender a lógica de expansão da educação superior adotada no estado do Góias a partir das políticas públicas adotadas por parte do governo estadual para esse nível de ensino.

“Para tal, recorri a Pierre Bourdieu, principalmente com as noções de campo e habitus para analisar tanto a expansão quanto a configuração do campo da educação superior naquele estado”, observou professor.

A pesquisa está concluída e após a sua publicação poderá servir de apoio e incentivo à adoção de políticas públicas que contribuam para o processo de democratização do acesso e permanência neste nível de ensino.

O pesquisador ressalta a relevância do apoio da Fapema na publicação da obra. “Na medida em que os resultados desta pesquisa apontam para a necessidade da adoção de uma visão crítica acerca do processo de privatização e massificação da educação superior, questionando a expansão desse nível de ensino ao sabor da lógica do mercado e em condições precárias de trabalho”, pontuou.

E continuou afirmando que a publicação do livro instigará os estudantes à prática da pesquisa científica, em especial os da educação superior matriculados em instituições situadas no Maranhão, contribuindo, assim, com a formação de recursos humanos para o estado.

Silva destaca ainda a importância da publicação como um trabalho inédito que será socializado. “O trabalho articula a estrutura de desenvolvimento da educação superior situada localmente a transformações que ocorrem também nos cenários nacional e internacional, podendo servir de parâmetro a outros estudos e a outras configurações regionais ou estaduais desse nível de ensino, como é o caso do Estado do Maranhão”, concluiu.

  Categorias: