Audiência debate investimento do pré-sal em ciência e tecnologia

Audiência debate investimento do pré-sal em ciência e tecnologia
outubro 07 11:53 2009

A Comissão Especial que discute a criação do Fundo Social do pré-sal promoveu nesta terça-feira (6), na Câmara dos Deputados, uma audiência pública para discutir o impacto da destinação de recursos a serem investidos em ciência, tecnologia e inovação. O presidente da Comissão, deputado Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), acredita que a área pode ser beneficiada com a aplicação das receitas.

Para o secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do Ministério da Ciência e Tecnologia, Ronaldo Mota, a aplicação dos recursos faz parte do desenvolvimento do País. “É preciso agregar valor e conhecimento à produção para se desenvolver de forma sustentável. A cada ano a participação da Ciência e Tecnologia na soma dinvestimento_pre_salo que é produzido no Brasil só aumenta porque cada vez se investe mais”, disse.

Os recursos do pré-sal ajudarão também no Sistema Brasileiro de Tecnologia (Sibratec), política de incentivo à pesquisa e inovação tecnológica. Segundo o secretário Mota, o Brasil conta com 200 mil pesquisadores e esse número tende a aumentar. “A cada investimento cresce o número de pesquisadores. A produção científica nacional cresce 11,3 % ao ano, cerca de 5% a mais que a média mundial”, informou ele.

O deputado Rollemberg acredita que os recursos provenientes da exploração do petróleo e do gás natural na camada pré-sal podem impulsionar a produção científica brasileira. “Para que a receita seja aplicada corretamente é preciso dialogar com os gestores e especialistas em Ciência e Tecnologia. Ao investir nesta área vamos ter grande retorno econômico e educacional das futuras gerações”, analisou.

A Comissão Especial se reúne mais quatro três vezes para discutir o investimento de recursos do pré-sal nas áreas de saúde, previdência social, meio ambiente e aspectos fiscais para a aplicação de dinheiro. Além de ciência e tecnologia, já foi abordado pela comissão o investimento em cultura e educação.

  Categorias: