Calouros do CCAA participam de debate sobre pesquisa e iniciação científica

Calouros do CCAA participam de debate sobre pesquisa e iniciação científica
abril 28 19:40 2010

 

Alunos do 1º período do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Ufma (CCAA) participaram ontem (27) de uma mesa redonda com os professores Lívio Martins e José Torres, do curso de Zootecnia, sobre o perfil do pesquisador e as relações entre pesquisa e iniciação científica. O evento contou ainda com a participação do farmacêutico e mestrando em ciências da Saúde da UFMA, Aramis Silva dos Reis, de São Luís, que falou sobre sua experiência como bolsista de iniciação científica.ivan

 A palestra ocorreu no auditório do CCAA e foi organizada pela direção do Centro, em parceria com a Fapema. “Procuramos mostrar quais as motivações que fazem o aluno se inserir no campo da pesquisa”, explicou José Torres, médico veterinário e doutor em reprodução animal. Torres – que discorreu também sobre elaboração de hipóteses, delineamento de experimentos e pesquisa aplicada – recomendou aos estudantes que lessem bastante, pois “a leitura é um dos requisitos básicos para ser um bom pesquisador”.

 Em seguida, o professor Lívio Martins apresentou dados gerais sobre o Campus de Chapadinha e sobre o estado atual da pesquisa no Brasil. Segundo ele, o Centro atualmente conta com 54 professores, sendo 27 mestres e 27 doutores. Com a aprovação do DINTER (Doutorado Iterinstitucional) entre a UFMA e a Unesp (Universidade Estadual Paulista), Campus de Jaboticabal, a perspectiva é de ampliar de 50 para mais de 90% o número de professores com doutorado no CCAA.

O professor Lívio Martins explicou ainda aspectos específicos sobre pesquisa e iniciação científica, tais como fontes de financiamento, órgãos de fomento (Capes e CNPQ), etc. “Queremos com isso incentivar os calouros a buscar desde cedo o caminho da pós-graduação e da iniciação científica, Assim poderemos ter bons profissionais no futuro”, disse. Lívio Martins possui doutorado em parasitologia e leciona no Campus de Chapadinha as disciplinas Biologia Parasitária e Parasitologia aplicada à Zootecnia.

Para a aluna Suanne Costa do Carmo, caloura do curso de Zootecnia, a palestra foi muito importante para esclarecer dúvidas e trazer informações novas a respeito da iniciação científica e da pós-graduação. “Achei muito bom, pois aprendi coisas sobre pesquisa que até então nãos sabia”, declarou.

 

  Categorias: