Edital da Rede Dengue é lançado em parceria com as FAPS

Edital da Rede Dengue é lançado em parceria com as FAPS
outubro 29 16:26 2009

Após reuniões técnicas realizadas pelo Comitê Gestor a fim de decidir os últimos detalhes da rede, já está disponível na página do CNPq o Edital da Rede Dengue, uma parceria entre os Ministérios de Ciência e Tecnologia e da Saúde, CNPq e várias Fundações de Amparo à Pesquisa do país. A Fapema é uma das fundações que integra a rede.

 

Mosquito_da_dengueA Rede Dengue surge na esteira da Rede Malária, que está sendo vista como referência pelas instituições envolvidas, uma vez que congrega esforços e recursos federais e estaduais, induzindo os pesquisadores de estados diferentes a realizarem pesquisas em conjunto. Assim, os trabalhos em rede somam competências, aproveita-se ainda a infraestrutura instalada nos estados e os recursos são utilizados de forma mais eficiente.

 

A proposta inicial da rede é que os projetos contemplem a participação formal de instituições de pelo menos duas unidades da Federação, sendo uma da Amazônia Legal. Além disso, as propostas deverão considerar a formação de recursos humanos na área e os impactos de seus resultados para o Sistema Único de Saúde.

 

A expectativa de aportes para financiar os estudos sobre a dengue é de aproximadamente R$ 20 milhões. Para o coordenador de parcerias estaduais do CNPq, Daniel Alves Natalizi, a ação é uma oportunidade ímpar para proporcionar o intercâmbio de informações entre grupos de diferentes regiões. “É uma proposta de se formar uma ação de pesquisa integrada em rede, potencializando os resultados obtidos”, afirmou.

 

GERENCIAMENTO – O Comitê Gestor da Rede Dengue é composto por representantes da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), Odenildo Teixeira Sena; Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe), Diogo Simões; Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF), Maria Amélia Teles; Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj), Ruy Garcia Marques; Fundação Araucária, do Paraná, José Tarcísio Pires Trindade; Ministério da Saúde, Leonor Maria Pacheco Santos; e o Diretor de Programas Temáticos e Setoriais do CNPq, José Oswaldo Siqueira.

 

Acesse o edital completo no endereço: http://www.cnpq.br/editais/ct/2009/073.htm

 

  Categorias: