Estudantes de Ribamar vivenciam a experiência da 1ª Mostra Científica do Maranhão

Estudantes de Ribamar vivenciam a experiência da 1ª Mostra Científica do Maranhão
outubro 22 19:03 2010

 

A estudante Mirian Ruth Alves, de 13 anos, nunca havia participado de um evento de ciência e tecnologia. Seu primeiro contato foi com a 1ª Mostra Científica do Maranhão, que será realizada, até esta sexta-feira (22), pela Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), na Praça Maria Aragão.

Mirian ficou encantada com a experiência de fazer uma viagem pelas estrelas e planetas, no Planetário Asterdomus, uma das atrações de maior sucesso da Mostra. “Fiquei mais interessada em aprender sobre ciência. Comecei a perceber que ela está em todo lugar, inclusive quando eu cozinho”, disse a estudante.

fotos_alunos_ribamarrAluna da Unidade Escolar Cidade de São José de Ribamar (CAIC), Mirian visitou a Mostra Científica com mais 60 colegas. Érica Rocha, de 14 anos, disse que aumentou seu interesse por estudar ciências. “Fiquei gostando mais, porque pude saber mais coisas sobre os planetas”, contou. Os estudantes participaram, também, da oficina de foguetes, produzidos com garrafas PET. “Foi impressionante, quando vi o foguete voando. É parecido como o professor explica na sala de aula”, destacou a estudante Flávia Soares, de 14 anos.

Essa relação entre o que é ensinado em sala de aula com a prática é a principal contribuição da Mostra Científica. O evento cumpre esse papel, em especial para os alunos de escola pública, que poucas vezes têm oportunidade de atividades como essa.foto_professor_ribamarr

Nesta sexta-feira, os alunos vão vivenciar outra novidade. Na própria escola, eles passarão a ser os expositores, na 1ª Feira de Ciência e Tecnologia, promovida pela escola com apoio da FAPEMA. A diretora-presidente da fundação, Rosane Nassar Meireles Guerra, participou da abertura da feira, que aconteceu nesta quinta-feira (21).

  Categorias: