FAPEMA apoia publicação de catálogos sobre o desenvolvimento do Maranhão

FAPEMA apoia publicação de catálogos sobre o desenvolvimento do Maranhão
novembro 21 19:10 2014

indicadoresEDITADA2O Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos – IMESC, órgão do governo ligado a Secretaria de Estado de Planejamento e Orçamento, lançou nesta sexta-feira (21) quatro publicações que servem de suporte para o diagnóstico das realidades locais, ao fornecer indicadores socioeconômicos para os 217 municípios maranhenses.

Todas as publicações receberam o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA.

O lançamento foi realizado em solenidade no salão de atos do Palácio dos Leões com as presenças da Secretária Chefe da Casa Civil, Anna Graziela Costa, que representou a governadora Roseana Sarney; do secretário de Planejamento, João Bringel; do presidente do IMESC, Fernando Barreto; da presidente da FAPEMA, Rosane Guerra; entre outras autoridades.

“As políticas públicas traçadas por esse governo são embasadas em pesquisas e conhecimento cientifico e no mapeamento de todo o estado do Maranhão que hoje nos possibilitam vivenciar um momento diferenciado na economia e no âmbito social do Estado”, destacou a secretária Anna Graziella Costa ao falar da importância das publicações.

Pelo estudo é possível ver o crescimento econômico dos municípios maranhenses nos últimos anos.

Anna Graziela destacou que foi com base nesses estudos que foram organizados pelo IMESC que o governo conseguiu atrair investimento do BNDES e pôde investir no Maranhão “de forma tranquila e pautada em conhecimento técnico para que os frutos desse investimento sejam colhidos”.

Hoje o Maranhão já contabiliza avanços nas áreas de infraestrutura, saúde, economia e no desenvolvimento social. “O que o Maranhão hoje experimenta é fruto de um trabalho sério, sólido e com técnicos competentes a frente de suas pastas”, enfatizou a chefe da Casa Civil do Estado.

“Nós temos certeza que resultados ainda melhores vão aparecer nos próximos anos”, completou o secretário João Bringel.

Publicações

As publicações foram: as Enciclopédias dos Municípios Maranhenses – Microrregião Geográfica de Rosários e do Itapecuru-Mirim; a Situação Ambiental da Região do Alto Munim e o Índice de Desenvolvimento Municipal – IDM 2012.

O presidente do IMEC, Fernando Barreto, destacou que os indicadores são insumos básicos e indispensáveis em todas as fases do processo de formulação, implementação, monitoramento e avaliação das políticas públicas.

“A elaboração dessas publicações representa o compromisso do instituto com a captação, sistematização e divulgação de informações sociais e econômicas tanto para o governo como para as instituições privadas e para a sociedade civil”, disse o presidente.

O IDM é constituído de dois grandes grupos de indicadores, que expressão aspectos relevantes no conceito de desenvolvimento: Índice de Desenvolvimento Econômico (IDE) e Índice de Desenvolvimento Social (IDS). A análise do IDM com Medidas de Posição permite avaliar a distribuição dos índices obtidos pelos 217 municípios.

  Categorias: