Edital Tecnova é apresentado a empresários do estado em um café da manhã

Edital Tecnova é apresentado a empresários do estado em um café da manhã
dezembro 10 16:18 2013

33ee3e015f9dfb9d48f698b7e1e1bb4b
O Governo do Estado do Maranhão, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA, realizou nesta terça-feira (10), um café da manhã para apresentar o edital Tecnova, que disponibiliza recursos no valor de R$ 4 milhões, destinados à inovação dentro das empresas. Cerca de 200 empresários aceitaram o convite e participaram do evento, realizado no auditório da Federação da Indústria do Estado do Maranhão (Fiema).

Na ocasião, os empresários puderam conhecer com detalhes o edital, que está aberto na página da Fundação, até o dia 10 de janeiro. “A proposta do Tecnova é estimular a inovação nas empresas e a necessária aproximação entre elas e as universidades, por meio de apoio financeiro na modalidade subvenção econômica. Nesse modelo de financiamento não há necessidade de reembolso dos recursos”, explicou a diretora-presidente da FAPEMA, Rosane Nassar Meireles Guerra durante a apresentação.

Com uma ampla divulgação do edital, a FAPEMA espera aumentar a demanda pelo financiamento de projetos inovadores nas empresas do estado. “Esperamos receber um número maior de propostas, até porque nos incentiva a buscar mais recursos para essa modalidade de apoio na inovação tecnológica”, disse a presidente da Fundação.

O Programa Tecnova é resultado da parceria entre os governos federal – por meio da Agência Brasileira de Inovação (Finep) – e estaduais; No Maranhão o programa é gerido pelo Governo do Estado, tendo a FAPEMA como mediador entre as espresas e o edital. A Fiema e o Sebrae são parceiros na divulgação do edital e no assessoramento a empresários para elaboração de projetos com vista a aquisição de financiamento.

Foto 7 Lançamento de Prejeto Inovação na Empresa  foto Antônio Martins“Nosso trabalho visa preparar o empresário e conscientizá-lo de que é possível ele também inscrever um projeto de inovação e concorrer a verbas para desenvolver um produto ou projetos inovadores em sua empresa”, disse a gestora do projeto Gestão da Inovação para Micro e Pequenas Indústrias, Danielle Pereira.

A Coordenação de Inovação e Empreendedorismo (CIE) da FAPEMA, sob responsabilidade de Hallyne Moreira, também está empenhada nesse assessoramento. “O empresário tem um perfil diferente de um pesquisador, com quem trabalhamos na maioria das vezes. Ele não está acostumado com editais, mas nós vamos prestar todo o auxílio necessário para que a submissão das propostas seja feita em tempo hábil e de forma que as empresas entendam todo o processo”, reforçou a coordenadora da CIE.

Durante o café da manhã os presentes também conheceram projetos exitosos de empresários que receberam financiamento do governo por meio de outro edital voltado para empresas, o PAPPE. Um dos exemplos foi dado pelo empresário do ramo de laticínios, Igor Melo, da empresa Sabor Laticínios do Nordeste.

Igor contou que a empresa nasceu pequena no fundo da sua casa com uma produção de 50 litros de iogurte por dia e que hoje tem uma produção de 7.500 litros/dia. “O apoio financeiro da FAPEMA foi importante para o crescimento da nossa empresa que foi a primeira a colocar o iogurte nas classes C e D no Maranhão, com um produto de qualidade e baixo custo”, destacou Igor, lembrando que a empresa foi uma das primeiras do estado a receber este tipo financiamento.

Entre os presentes no café da manhã estavam o secretário adjunto da Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia (Sectec), Osvaldo Saavedra, e a coordenadora de Tecnologia e Inovação da Fiema, Sherazade Bastos.

  Categorias: