FAPEMA participa do Fórum Nacional do CONFAP em São Paulo

FAPEMA participa do Fórum Nacional do CONFAP em São Paulo
maio 23 14:07 2013

Confap nomeA presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA, Rosane Nassar Meireles Guerra, participa nesta quinta, 23 e sexta, 24, em São Paulo, do Fórum Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. A reunião é organizada pelo Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa – CONFAP – e reúne as principais entidades brasileiras do setor.

O encontro acontecerá na sede da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – FAPESP e no Hotel Blue Tree Faria Lima. Participam instituições como o CNPq, Embrapa, Capes, Finep – Agência Brasileira de Inovação e Instituto Nacional da Prosperidade Industrial (INPI).

De acordo com o presidente do CONFAP, professor Sergio Gargioni, as ações de apoio à ciência, tecnologia e inovação passam, necessariamente, pelas Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs), seja por sua capacidade gerencial, pelo conhecimento genuíno das demandas regionais e sua articulação com as agências de financiamento. “Por esse motivo é importante estar atento às ações desenvolvidas pelas fundações, parte importante da programação do fórum”, ressalta.

Gargioni também chama atenção para os importantes acordos de cooperação entre entidades brasileiras e estrangeiras, que serão discutidos no Fórum. “Durante o evento será apresentado um painel com as possibilidades de relacionamento entre instituições de pesquisas da comunidade européia e brasileira. Ainda no campo internacional, destaco o lançamento do edital do Instituto Nacional Francês para a pesquisa em Ciências Computacionais (Inria)”.

Para a presidente da FAPEMA, Rosane Guerra, o fórum é importante para ampliar o debate sobre a importância das FAPs. “A vocação natural de cada estado para fazer a ciência pode ser amplificada quando as fundações de amparo à ciência dão o suporte necessário aos pesquisadores. No Maranhão, fazemos isso e sempre buscamos alternativas que possam melhorar ainda mais esse cenário”.

Um dos assuntos em pauta é o desafio de obter mais impacto para a ciência brasileira, tema da palestra do diretor científico da FAPESP, Carlos Henrique de Brito Cruz. Durante o fórum, os pesquisadores vão conduzir outras exposições que abordam a avaliação do Programa de Pesquisa para o SUS, ministrado pelo diretor do Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde, Antônio Carlos Campos de Carvalho; a ampliação da parceria entre Embrapa, Universidade Federal do Mato Grosso do Sul e Fundect para outras Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa; avaliação dos trabalhos conjuntos entre CNPq e fundações estaduais; e análise das possibilidades de relacionamento entre INPI e FAPs.

  Categorias: