FAPEMA participa do I Encontro da Rede Maranhense de Pesquisa em Mídia

FAPEMA participa do I Encontro da Rede Maranhense de Pesquisa em Mídia
setembro 26 20:25 2013

DSC 2842

Com o tema “Descortinando a Memória da Mídia no Maranhão”, o I Encontro da Rede Maranhense de Pesquisa em Mídia – REMAR foi aberto na noite desta quarta-feira, 15, no auditório da Faculdade Estácio. A Rede, que está em fase de consolidação, é fruto de iniciativas conjuntas de acadêmicos das áreas de Comunicação Social e História do estado.

Estiveram presentes no evento, e compuseram mesa, representantes da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA, Universidade Federal do Maranhão – UFMA, Universidade Estadual do Maranhão – UEMA, Fundação Municipal de Cultura – FUNC, Universidade Ceuma e da própria Estácio.

A FAPEMA esteve representada pela assessora de Comunicação e coordenadora do Núcleo de Difusão Científica, Nathalia Ramos, que destacou a pontualidade do tema e da Rede: “Como comunicadora, e em nome da FAPEMA, fico muito feliz com essa preocupação em resgatar a história da mídia. Vivemos muito o agora e nos esquecemos de fatos que já aconteceram, mas que tem um papel muito importante no hoje”.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura – FUNC, Francisco Gonçalves ressaltou a importância de se levar os avanços em comunicação também ao interior do estado. “O continente não pode ser esquecido, temos cidades se desenvolvendo e a pesquisa tem que chegar até esses espaços ainda pouco usados. A REMAR é mais que necessária”. DSC 2893

O encontro foi financiado pela FAPEMA através do Edital AREC, fato frisado pelo professor da UFMA e membro da comissão provisória do REMAR, Marcos Fábio Matos: “Este é um esforço conjunto de pesquisadores de todas as Faculdades de Comunicação do estado. E recebemos uma grande ajuda da FAPEMA, porque sem o trabalho da Fundação este evento não teria sido realizado”.

Já a chefe do departamento de Comunicação da UFMA, Rose Ferreira destacou a importância da Rede para o desenvolvimento da pesquisa científica no estado. Para ela “além de congregar os pesquisadores da área, uma rede de pesquisa nesses moldes também aproxima os profissionais e as empresas. Um sonho nosso está prestes a se tornar realidade, e o trabalho da REMAR é de fundamental importância nisso: a criação do Mestrado em Comunicação Social no Maranhão”.

A noite continuou com a palestra da historiadora Sônia Menezes, com o título “A escrita do passado: história, memória e conhecimento”. O I Encontro REMAR continua hoje (26) e amanhã (27) na UFMA, quando será firmado o Estatuto da REMAR.

  Categorias: