Fapema reúne pesquisadores para discutir participação na RedeBio

Fapema reúne pesquisadores para discutir participação na RedeBio
julho 14 14:51 2009
fotofapemaPesquisadores maranhenses foram convocados pela diretora-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), Rosane Guerra, para discutir a participação do Maranhão na Rede de Pesquisa e Desenvolvimento de Biocosméticos (RedeBio).  O encontro reuniu, nesta sexta-feira (3), na sede da fundação, representantes da Embrapa, Ufma, Uema e Instituto Federal do Maranhão (antigo Cefet).

A Fapema participará da rede com recursos da ordem de R$ 2,1 milhões. Nos próximos três anos, a RedeBio contará com um total de R$ 6,3 milhões para investimentos em pesquisas da cadeia produtiva de quatro insumos regionais: andiroba, copaíba, castanha do Pará e babaçu. “O governador em exercício, João Alberto, reafirmou  a participação do Estado na rede e garantiu que dará todo o aporte necessário para essa efetivação, apoio já garantido pela  governadora licenciada Roseana Sarney. É importante que um maior número de pesquisadores do Maranhão, que trabalham ou têm competência nessa área, participem desse edital”, incentivou Rosane Guerra.

As inscrições para esse edital deverão ser feitas até o dia 22. Em consenso com a diretora-presidente da Fapema, os cientistas acordaram que formarão um grande grupo voltado ao estudo do babaçu. Os que se interessarem em pesquisar os demais insumos precisam buscar integração com os grupos já formados em outros estados.

Para fazer parte da RedeBio, cada projeto deve envolver pelo menos três estados. “Há possibilidade de o Maranhão se inserir em quatro sub-redes, tendo em vista que serão trabalhados quatro insumos. Mas o nosso Estado está se colocando como nucleador da Rede de Babaçu”, explicou a presidente da Fapema. As parcerias estão se consolidando, principalmente, com os estados do Pará, Amazonas e Tocantins.
DSC02557_aaaaaO pesquisador da Ufma, Odair Santos Monteiro, contribuirá com seus projetos de desenvolvimento de tecnologias para óleos essenciais. “Agradecemos por todo tipo de apoio, em especial, o que estamos recebendo da Fapema. Aqui, temos pessoal qualificado para desenvolver projetos envolvendo produtos de origem natural, em parceria com outros estados, e assim agregar valores à pesquisa e ao ensino do Maranhão”, destacou.

“A nova tendência de trabalhar em rede é promissora, na medida em que se torna possível somar competências e diminuir as distâncias entre os grupos de pesquisas. Outra vantagem é que você não precisa criar técnicas que já são feitas em outras instituições, outras universidades. Com isso, podemos fortalecer os grupos naquilo que de fato são especializados”, concluiu Rosane.

Fonte: Núcleo de Difusão Científica – NDC

В лучшем случае ему "Игры детские няня"удастся поучаствовать в научной дискуссии "Книги на английском скачать fb2"или серьезном разговоре, а так придется оставить снимки себе на память.

С "онлайн автокредит отзывы"этими туристами может случиться все, что "Скачать сумерки 5"угодно.

Возможно, это Дроппа все еще "Скачать презентацию третьяковская"поднимал тревогу.

Теперь договорились, ответил Шмирнов.

Он говорил "Электронная книга с 3g"нараспев и только для того, чтобы "Скачать артман"не удариться в панику, а не для того, чтобы сообщить нужную информацию.

В "Скачать фильм дружинники"то же время, я бы "Скачать схему строповки грузов"постарался не оставаться с Юртом наедине, "Скачать оперу мини русскую версию"раз уж ваши дорожки пересеклись.

  Categorias: