Governo e parceiros se reúnem para discutir programação da SNCT no Maranhão

Governo e parceiros se reúnem para discutir programação da SNCT no Maranhão
setembro 03 18:50 2012

 

SNCTA secretária de Estado de Ciência e Tecnologia (Sectec), Rosane Nassar Meireles Guerra, e o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), Antônio Luiz Amaral Pereira, se reúnem nesta quarta-feira (05), às 15h, no Palácio Henrique de La Rocque, com os parceiros do governo na realização da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia no Maranhão (SNCT).  A reunião é para discutir sobre as atividades que serão realizadas durante o evento que tem como objetivo mobilizar a população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de ciência e tecnologia.

Este ano a SNCT, que acontece de 15 a 21 de outubro, tem como tema “Economia verde, sustentabilidade e erradicação da pobreza”. Durante o evento serão promovidas e estimuladas em todo o país atividades de difusão e de apropriação social de conhecimento cientifico e tecnológico relacionados com o tema.  Serão debatidas estratégias e mudanças necessárias para uma economia verde que, em conexão com um desenvolvimento sustentável, contribua para a erradicação da pobreza e a diminuição das desigualdades sociais no país.  A semana é uma iniciativa do Ministério da Ciência e Tecnologia e, no Maranhão, é coordenada pela Sectec.

Ano passado o Maranhão se destacou entre os estados em números de atividades durante a semana, ocupando a segunda colocação no ranking dos estados do Nordeste e o sexto no nacional. “Este ano queremos ocupar o primeiro lugar entre os estados do Nordeste e melhorar também a posição no ranking nacional. Para isso contamos com o empenho de todos os que participam do evento na mobilização da sociedade para que um maior número de pessoas inscreva atividades e participem da semana”, destacou a secretária Rosane Guerra. As atividades devem ser inscritas no site da FAPEMA no endereço www3.fapema.br.

Cerca de 170 parceiros colaboraram com a realização da edição regional da SNCT em 2011, como as secretarias de Estado de Meio Ambiente, Educação, Minas e Energia, Igualdade Racial, das Cidades, Trabalho, bem como as universidades Federal e Estadual do Maranhão, Uniceuma, UNDB, Instituto Federal do Maranhão, Cest, Faculdade São Luís, Pitágoras, Instituo Florence, entre outras instituições.

Também colaboraram o Sebrae, a Vale, Alumar, CLA, SENAI, Fiema, Eletronorte, Suzano, Renosa e Banco do Brasil, assim como a Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), o Centro de Lançamento de Alcântara, a Academia Maranhense de Letras, entre outros. “Estamos convidando todos a mais uma vez participar do evento para a divulgação da produção cientifica, tecnológica e de inovação do Estado”, disse Antônio Luiz Pereira.

Projetos – Durante a reunião os participantes terão a oportunidade de expor seus projetos para o evento. A partir das demandas de cada instituição o governo ira construir o espaço onde serão montados estandes, tendas e auditórios para realização de palestras e minicursos e espaços para realização de oficinas, entre outros. Em 2011 a SNCT foi realizada na área externa do São Luís Shopping, por onde passou cerca de 10 mil pessoas.

Como forma de incentivar a realização de atividades o governo do Estado, por meio da FAPEMA, lançou o edital nº37/2012 – Programa de Apoio a Popularização da Ciência e Tecnologia/Semana Nacional de Ciência e Tecnologia – SCT. O objetivo do edital é financiar projetos destinados à organização e à execução de eventos científicos ou  tecnológicos,  com  foco  na popularização da ciência, a serem realizados na SNCT. O edital está disponível no site da fundação.

Os projetos submetidos ao edital deverão mostrar vinculação ao tema da SNCT e poderão ser coordenados por pesquisadores vinculados às instituições de ensino superior ou pesquisa, públicas ou privadas, e às escolas públicas ou privadas da rede de ensino médio, sediadas no Estado. Cada projeto poderá ter o valor máximo de R$ 4 mil. Estão sendo alocados para o edital recursos financeiros não reembolsáveis, no valor total de R$ 200 mil. O prazo limite para submissão das proposta é dia 21 de setembro.

 

 

  Categorias: