Governo lança edital de chamada pública para participação de profissionais na plataforma Negro Cosme de Cursos Livres

Governo lança edital de chamada pública para participação de profissionais na plataforma Negro Cosme de Cursos Livres
abril 27 20:25 2016

00ComiteCNCTEC 5Estão abertas as chamadas públicas para a nova plataforma “Negro Cosme de Cursos de Livres”, o Edital nº06/2016 contempla a chamada pública que tem como objetivo reunir profissionais, educadores, formadores e autores que compartilham de uma visão de educação inclusiva, democrática e de amplo acesso, que possuam interesse em contribuir com as ações da plataforma, disponibilizando recursos educacionais em formato de cursos, minicursos, oficinas, palestras, livros, projetos, entre outros objetos educacionais. O Edital foi lançado na tarde desta terça-feira (26), pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).

A chamada pública é voltada para servidores ativos ou inativos de qualquer instituição das redes federal, estadual e municipal, além de profissionais, formadores ou autores que não façam parte da rede pública, desde que atendam às demandas da proposta.

As inscrições podem ser realizadas no site da Secti e ficarão abertas no período de 26 de abril a 11 de maio. No ato da inscrição, o participante deverá informar, além dos dados pessoais, endereço residencial, endereço de e-mail, telefones, área de formação, nível de formação, experiência e especificar qual tipo de conteúdo deseja disponibilizar ou produzir em parceria com a Secti.

Após o processo de inscrição e análise das propostas, os participantes receberão uma série de oficinas temáticas relacionadas à educação aberta e novos desafios da construção do conhecimento. As oficinas resultarão na produção de conteúdo em diferentes formatos, que estarão disponíveis como recursos educacionais abertos na Plataforma Negro Cosme de Cursos Livres.

De acordo com o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Jhonatan Almada, essa medida foi criada para democratizar o acesso ao conhecimento através de parceria. “Com essa medida inovadora, a chamada pública visa atender às pessoas que tiverem interesse em propor conteúdo para a plataforma. Após as inscrições, as propostas serão analisadas e, caso o conteúdo não venha pronto, a Secti se disponibiliza a ajudar a desenvolver esse conteúdo. O importante é agregar conteúdos para a plataforma Negro Cosme de Cursos Livres”, afirmou Almada.

Plataforma Negro Cosme de Cursos Livres

A plataforma Negro Cosme de Cursos Livres tem o intuito de oferecer cursos on-line gratuitos para toda a população maranhense. Inicialmente, são ofertados cinco cursos que estão disponíveis no site da Secti: os cursos de Inglês Básico, Leitura e Interpretação de Textos, Introdução à Pesquisa para o Ensino Médio, Matemática e suas Tecnologias e Informática e Novas Tecnologias.

A carga horária de cada um deles é de 60 horas e o acesso pode ser feito a qualquer momento, de qualquer computador. Todo o processo é online e no final do curso o estudante receberá o certificado, que será disponibilizado imediatamente após a conclusão. As vagas são ilimitadas e as pessoas podem se inscrever a qualquer momento. O aluno pode fazer quantos cursos quiser, mas sendo um por vez.

A ferramenta tem destaque por ser um formato diferenciado, propício à construção de conhecimentos em diversas áreas com autonomia, foco e disciplina, que se ajusta a rotina específica de cada estudante, se tornando uma oportunidade estratégica de estudo e apoio à aprendizagem.

O nome da plataforma faz uma homenagem a Cosme Bento das Chagas, o Negro Cosme, líder da luta do povo negro no estado do Maranhão. Negro Cosme fez parte da Balaiada, uma das maiores rebeliões populares da História do Brasil.

  Categorias: