Maranhão Profissional vai intensificar sistema de C,T&I do Estado

Maranhão Profissional vai intensificar sistema de C,T&I do Estado
maio 11 16:19 2011

Foto-6-Programa-Maranho-PrUm dos maiores programas de qualificação profissional e formação de mão de obra do Brasil foi lançado nesta quarta-feira, 10, pelo governo do Maranhão em solenidade presidida pela governadora Roseana Sarney. O evento contou com a participação de secretários de Estado, deputados, representantes da classe empresarial, de trabalhadores e reitores. A meta do programa Maranhão Profissional é qualificar 400 mil maranhenses nos próximos quatro anos. O programa prevê ainda a formação de docentes, o fortalecimento da estrutura física da rede de educação formal e do sistema de ciência, tecnologia e inovação do estado.

“Estamos fazendo um programa arrojado para qualificação de nossa mão de obra para que os maranhenses e os nossos jovens possam realmente usufruir de tudo que estamos trazendo para o Maranhão. Vamos empregar cerca de R$ 800 milhões neste programa e tenho absoluta certeza que vai ser um programa de êxito e muito bom para o povo do nosso Estado”, disse Roseana Sarney. 

A secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia irá coordenar a execução do programa através da sua secretaria adjunta de Educação Profissionalizante, segundo informou o secretário João Bernardo Bringel. A Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FAPEMA), conforme explicou o secretário, também será envolvido no processo fazendo o chamamento dos professores que contribuirão para o andamento do programa.

Os Centros Tecnológicos da Sectec, hoje em número de 10, serão ampliados para 24, por determinação da governadora Roseana Sarney. “Até o fim do meu mandato quero deixar um sistema de ensino público moderno, de qualidade, que valoriza os profissionais da educação, mas que também melhore a educação dos maranhenses” destacou a governadora.Foto-1-Programa-Maranho-Pr

O Maranhão Profissional é um instrumento de gestão para a formação profissional no âmbito estratégico e operacional com ações voltadas para suprir as demandas por contratações dos empreendimentos implantados e em fase de implantação no Maranhão. Ele visa ampliar a qualificação e melhorar a qualidade da formação profissional de pessoas no Estado.

Por meio do programa, o governo do Estado vai coordenar, através de ações integradas do poder público estadual com a iniciativa privada e as instituições de ensino públicas e privadas, a formação profissional de milhares de pessoas para atender a uma demanda de 200 mil novas vagas de empregos.

  

 

  Categorias: