Lançado Edital MED Saúde de apoio ao monitoramento em saúde pública no Maranhão

outubro 06 15:25 2017

edital-medsaudeO Governo do Maranhão, a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), a Secretaria de Estado Extraordinária de Articulação das Políticas Públicas (SEEPP)e a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema) lançaram nesta quinta-feira, dia 05, o edital MED Saúde no Campus UFMA, em Pinheiro.

O edital MED Saúde desenvolvido por meio da linha de ação “Mais Qualificação” e no âmbito do programa “Mais Bolsa”tem como objetivo apoiar projetos de pesquisa relacionados com o monitoramento de serviços de saúde prestados nos pólos regionais Pinheiro e Caxias, aproximando as realidades epidemiológicas, sanitárias e socioculturais das regiões onde o curso de medicina está inserido, bem como, propor projetos de intervenção na rede assistencial do Maranhão, de acordo com os resultados obtidos.

Serão destinados ao edital, recursos no valor de R$ 1,1 milhão, oriundo do tesouro estadual alocados no orçamento da Fapema. O prazo de execução dos projetos é de 12 (doze) meses, a contar da data de emissão do Termo de Outorga. Serão apoiados oito (08) projetos, sendo cinco (05) para Pinheiro/MA e três (03) para Caxias/MA.

O secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Davi Telles, reforça que a construção do edital foi uma política importante de parceria entre o sistema de Ciência, Tecnologia, Inovação, a Fapema e a UFMA, com objetivo de desenvolver uma tecnologia de gestão pública em saúde no Maranhão. “O estudo da problemática epidemiológica e da assistência em saúde básica e também da alta e média complexidade nas cidades de Pinheiro e Caxias, por meio dos hospitais macrorregionais,visam exatamente desenvolver uma tecnologia para a melhor formatação de políticas públicas de assistência em saúde.A ideia desse edital é exatamente fazer com que essa integração para o processo de interiorização da oferta de assistência à saúde no interior do Estado seja cada vez mais eficaz e eficiente para a população maranhense, por determinação estratégica do Governador Flávio Dino”, declarou.

Segundo o diretor-presidente da Fapema, Alex Oliveira é extremamente importante o incentivo à pesquisa e o entendimento sobre a dimensão deste edital no processo de solidificação do desenvolvimento de políticas públicas e na integração entre profissionais da área da saúde, acadêmicos e a população maranhense. “O nosso objetivo é fazer com que o processo de formação dos médicos seja reforçado, aumentando a permanência dos professores e incentivando o processo do atendimento em saúde para as mulheres, para crianças e para doenças negligenciadas que são demandas extremamente importantes na secretaria de estado da saúde. O edital proporciona a cinco equipes compostas por cinco técnicos e professores, (um supervisor e quatro coordenadores de equipes) com os alunos e pra cada professor há ainda uma bolsa para monitoria de um aluno, com isso serão envolvidos alunos, professores e técnicos, gerando um maior programa de extensão com interfase em pesquisa na área médica no Maranhão”, pontuou.

edital-medsaude.01De acordo com reitora da Universidade Federal do Maranhão – UFMA, Nair Portela, o resultado do edital vai gerar um impacto na formação dos alunos, na experiência dos professores porque é inovador para a área de saúde. “Tenho certeza que teremos projetos de pesquisas, projetos de extensão, de ensino, resultados que vão ajudar pelo perfil e características do edital. Uma experiência nova, iniciada pelo curso de medicina do campus em Pinheiro da Universidade Federal do Maranhão. É uma articulação muito forte. O grande salto de qualidade é a realização de trabalhos com os alunos e eles vão partilhar essa experiência e será fundamental para seu trabalho de extensão de pesquisa”, destacou.

Nair Portela ainda parabenizou o presidente da Fapema por sua gestão. “Quero cumprimentar o professor Alex que tem na verdade um desempenho muito grande à frente da Fapema. Muitas FAP’s não têm feito o que a nossa faz. A Fapema consegue abrir muitos editais em diversas áreas: logística, cultura, educação, desenvolvimento social. Isso é política de estado”, finalizou.

O edital MED Saúde está pautado em pesquisas nos eixos: saúde da criança, saúde da mulher, saúde do adulto e idoso, endemias negligenciadas e emergentes, e assistência psicossocial. A data limite para inscrições on-line é até o dia 06 de novembro de 2017.

Confira o edital completo aqui: https://goo.gl/1UdEvf

  Categorias: