Maranhenses participam de programa de estágio em universidade do Mato Grosso

Maranhenses participam de programa de estágio em universidade do Mato Grosso
setembro 02 15:19 2013

meninos herbário

Os alunos do Centro de Estudos Superiores de Caxias da Universidade Estadual do Maranhão (CESC/UEMA), Domingos Lucas dos Santos Silva e Naiara Assunção Sampaio, estão participando do estágio de 60 dias no Laboratório de Criptógamos – Herbário NX, da Universidade Estadual do Mato Grosso (UNEMAT), Campus de Nova Xavantina. Essa iniciativa é desenvolvida por meio do edital de Apoio à Participação em Estágios de Curta Duração (nº40/2012) da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA.

O edital busca incentivar a participação de alunos, vinculados às instituições de Ensino Superior e/ou pesquisa, localizadas no Maranhão, em estágios de curta duração como forma de aperfeiçoar o nível de qualificação acadêmica.

Os estagiários são do Curso de Ciências Biológicas e desenvolvem suas habilidades sob a orientação do professor doutor do CESC/UEMA, Gonçalo Mendes da Conceição e o professor mestre da UNEMAT, Francisco de Paula Athayde Filho. “A necessidade constante de embasar o conhecimento teórico junto à prática, torna-se necessário a inserção de alunos de graduação em estágios extracurriculares, tornando-se um instrumento valioso e estimulador de vocações para a área da pesquisa”, comentou Gonçalo Mendes.

O objetivo do estágio é fornecer subsídios para a compreensão e conhecimento da taxonomia e dos aspectos morfológicos mais comuns das principais famílias de samambaias e licófitas, bem como conhecer as técnicas usuais de trabalhos de campo e laboratório.

De acordo com Gonçalo Mendes, a participação dos discentes no estágio de curta duração pode trazer mais vantagens em obter conhecimento. “Um estágio como esse é de extrema importância para os alunos, ao tempo que contribuirá de forma significativa para um melhor desempenho nas atividades como bolsistas de iniciação científica e como futuros pesquisadores”, destacou.

  Categorias: