MCTI lança edital de fomento à pesquisa, desenvolvimento e inovação

janeiro 07 19:57 2015

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação informa que empresas brasileiras e finlandesas têm até 15 de janeiro para se inscreverem em chamada conjunta com a Finep (Financiadora de Estudos e Projetos) e a Agência Finlandesa de Financiamento à Inovação (Tekes).

A agência foi visitada em maio de 2014 por uma missão científica que incluiu Sergio Gargioni, presidente do CONFAP (Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa), Flávio Teles Carvalho da Silva, presidente da FAPEMAT (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Mato Grosso) e Claudio Benedito da Silva Furtado, presidente da FAPESQ (Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba).

As propostas precisam envolver pelo menos uma empresa de cada país, com possibilidade de incluir mais de uma companhia privada de cada lado. Universidades e instituições de pesquisa podem participar apenas como coexecutoras.

Os parceiros devem combinar antecipadamente sobre direitos de propriedade intelectual e estratégias de comercialização para o resultado do projeto, com necessidade de um acordo de cooperação formalizado.

As propostas aprovadas receberão financiamento para ações cooperativas em pesquisa, desenvolvimento e inovação industrial. colaboração resulta de memorando de entendimento entre as duas entidades, que buscam impulsionar o conteúdo inovador de seus produtos rumo ao mercado mundial. Acesse o edital.

Missão em 2014

Gargioni e demais membros do CONFAP visitaram a Agência Finlandesa para o Financiamento em tecnologia e Inovação (Tekes) e tiveram reuniões com representantes da Academia da Finlândia (AKA), do Centro para Mobilidade Internacional (CIMO) e a Associação dos Parques Tecnológicos Finlandeses (TEKEL).

Liderada por Alvaro Prata, Secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do MCTI, a delegação brasileira também foi à cidade de Lathi visitar laboratórios e centros de Pesquisa e Desenvolvimento de energias renováveis de empresas, além da usina Kymijärvi, usina piloto de uso de dejetos para produção de energias elétrica e térmica. Na parte da tarde se deslocaram para Kausala, a fim de visitar o centro de pesquisa e desenvolvimento em climatização e ambientação internas. Ao retornar, a experiência finlandesa em inovação foi usada como modelo de simplicidade e eficiência.

  Categorias: