Presidente da FAPEMA é homenageada pela UFMA com Prêmio Mérito Científico

Presidente da FAPEMA é homenageada pela UFMA com Prêmio Mérito Científico
dezembro 17 13:53 2014

A Editada DSC 0323A presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA, Rosane Nassar Meireles Guerra, foi a homenageada da segunda edição do Prêmio Mérito Científico Professora Maria Ozanira da Silva e Silva, em cerimônia realizada na tarde desta terça-feira, 16, no auditório central da Universidade Federal do Maranhão – UFMA.

O Prêmio é concedido todos os anos aos pesquisadores da UFMA que se destacaram por relevante produção científica nas grandes áreas do conhecimento e também é escolhida uma personalidade que tenha contribuído para o desenvolvimento da Pesquisa, Ciência e Tecnologia na UFMA ou mesmo no Estado.

“Temos que reconhecer aqui publicamente o trabalho da nossa homenageada hoje. Eu tenho que reconhecer o seu esforço e de sua equipe. Seu trabalho na Fundação foi árduo e transparente. Ela ampliou o valor de recursos ao produzir editais para poder atender ao crescimento constante da comunidade científica. Ela está de parabéns.”, declarou o reitor da UFMA, Natalino Salgado, em discurso de homenagem à Rosane Guerra.

A DSC 0338

O reitor lembrou que esteve presente no momento de escolha do nome para presidir a Fundação e que a doutora Rosane Guerra recebeu o aval da instituição. “A Rosane é da nossa área, da saúde. Eu tive a oportunidade de estar no momento em que ela estava sendo escolhida para assumir a FAPEMA e não poderia ser diferente. Teve o nosso aval, porque estaríamos bem representados”, afirmou.

Natalino ainda ressaltou o desafio do novo gestor. “O desafio do próximo presidente é trabalhar para poder superar esse esforço que você plantou e da estruturação da nova política da FAPEMA, já que sem uma fundação de apoio não é possível fazer pesquisa”, observou.

Participaram da solenidade o reitor da UFMA, Natalino Salgado; o Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Fernando Carvalho; o Secretário Adjunto da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectec), Osvaldo Saavedra; a Diretora do Departamento de Pós-Graduação, Teresa Cristina Rodrigues dos Santos; o Diretor do Departamento de Pesquisa, Alexandre César Muniz de Oliveira; e o Presidente do Programa de Qualidade da Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação – PROQUALI, Manuel Messias Ferreira Júnior.

A DSC 0359

A seleção dos pesquisadores e personalidades homenageadas é feita pelo Comitê Assessor do PROQUALI. Os pesquisadores contemplados recebem um auxílio pesquisa para o desenvolvimento de suas pesquisas e projetos.

Os pesquisadores vencedores, respectivamente, nas áreas da Saúde, Ciências Sociais, Ciências Biológicas e Agrárias; Ciências Humanas e Exatas e Tecnológicas foram: Antonio Augusto Moura da Silva, César Augusto Castro, Flávia Raquel Fernandes do Nascimento; Igor Gastal Gril e Rodolfo Alvin Casana Sifuentes.

“A premiação é mais uma ação das tantas atividades que são desenvolvidas dentro do PROQUALI. Hoje nós temos aqui o nosso evento que premia, reconhece e valoriza os nossos pesquisadores que estão produzindo e melhorando a nossa universidade”, disse o Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Fernando Carvalho.
A DSC 0323
Em seguida, Fernando Carvalho destacou a atuação da homenageada, Rosane Guerra. “Devido a sua contribuição tanto como pesquisadora quanto como administradora frente à Fapema, onde revolucionou e está deixando a fundação bem equilibrada, bem administrada, que nós estamos a homenageando hoje,” considerou.

O presidente do Comitê PROQUALI, Manuel Messias Ferreira Júnior, também destacou as ações dos últimos anos da FAPEMA.

“O apoio da Fapema foi fundamental para o crescimento científico da UFMA e do Maranhão. É preciso manter os editais de fomento à pesquisa básica e aplicada, e respeitando os critérios de julgamento e mérito. Não há crescimento qualificado sem política de mérito. Mérito, palavra mágica, inimiga do corporativismo. Optando pelo primeiro, avançaremos em direção ao progresso dos melhores indicadores, contentando-se com o segundo, permaneceremos estagnados, em círculos inertes de amigos felizes”, falou em seu discurso.

E continuou destacando que devem ser apoiadas todas as pesquisas que gerem bons resultados, principalmente aquelas publicáveis em revistas internacionais de alto impacto, que são fundamentais para o desenvolvimento do Maranhão.

“Nesse ínterim não cabe pré-julgamento de concepção de pesquisa científica, sejam estas puras, básicas, teóricas , aplicadas ou tecnológicas. Esperamos também que não se cometa o grave erro, ás vezes oportuno, de confundir ciência com o desenvolvimento de ações de ensino técnico-tecnológico”, concluiu.

A presidente da Fapema, Rosane Guerra, agradeceu a homenagem, especialmente pelo Prêmio ter o nome da professora Maria Ozanira, pesquisadora por quem ela tem grande estima e admiração por ser referência em Ciência e Tecnologia no Maranhão.

“É uma homenagem que me deixa muito honrada, emocionada. É um reconhecimento de um trabalho de uma vida toda. É uma grande alegria e privilégio trabalhar no que gostamos e ainda ser premiada por esse trabalho, que posso lhes assegurar, foi sempre realizado com muito amor”, declarou.

  Categorias: