Projeto apoiado pela FAPEMA realiza estudos sobre as condições sociais e de trabalho no Maranhão

Projeto apoiado pela FAPEMA realiza estudos sobre as condições sociais e de trabalho no Maranhão
julho 17 19:25 2013

dia-do-trabalho-tarcila amaral A desigualdade de renda e condições de trabalho nas regiões brasileiras têm se arrastado ao longo da história do país, e mesmo as mudanças ocorridas no século XXI ainda não tornaram essa situação diferente. Sendo esta uma problemática que perpassa toda a nação, o Grupo de Avaliação e Estudo da Pobreza e de Políticas Direcionadas à Pobreza (GAEPP), da Universidade Federal do Maranhão – UFMA, desenvolve o projeto Observatório Social e do Trabalho, cujo objeto central de estudo é a Pobreza e o Trabalho no Maranhão.

Sob a coordenação da Prof. Dra. Maria Ozanira da Silva e Silva, do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas (PPGPP) da UFMA, o grupo, que recebe o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA, trabalha em duas frentes. A primeira linha de atuação consiste no levantamento, sistematização dos dados levantados no estudo sobre a estrutura e a dinâmica. Já a segunda linha trata da divulgação dos resultados parciais ou finais de estudos feitos, periódicos científicos e cadernos de pesquisa.

A Dra. Maria Ozanira conta que os resultados podem ser conferidos em um boletim de circulação bimestral, disponível no site do GAEPP. ‘Também disponibilizamos os resultados, os cadernos de pesquisa e o boletim para instituições e organizações da sociedade civil, pesquisadores, estudantes e outras pessoas que se cadastrarem no menu do Observatório”, explica a professora.

Além da UFMA, fazem parte do grupo a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUCSP, através do Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e da Coordenadoria de Estudos e Desenvolvimento de Projetos Especiais (CEDPE), e a Universidade de Campinas – UNICAP, através do Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho (CESIT).

Os recursos obtidos através da FAPEMA estão sendo usados para a compra de equipamentos e livros necessários ao projeto, além de ajuda de custo aos pesquisadores envolvidos.

O próximo passo do será a realização da I Oficina do Observatório Social e do Trabalho, que acontecerá ainda no segundo semestre de 2013. “O objetivo das oficinas é a socialização e debate com a sociedade sobre os trabalhos produzidos no âmbito do Observatório, e para que esse diálogo se expanda convidaremos pessoas de movimentos sociais e sindicais e instituições”, comenta a Dra. Maria Ozanira.

  Categorias: