Projetos de educação patrimonial com o uso de tecnologia possibilita novas descobertas a estudantes durante SNCT

Projetos de educação patrimonial com o uso de tecnologia possibilita novas descobertas a estudantes durante SNCT
outubro 15 22:30 2014

 

A manhã desta quarta-feira (15) foi de descobertas para alunos que visitaram a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que acontece deste segunda-feira (13) na área externa do São Luís Shopping e será encerra no sábado (18). Além da oportunidade de participar de palestras, minicursos e oficinais com temas nas mais diferentes áreas de conhecer e produção cientifica realizada por pesquisadores de instituições de ensino públicas e privadas, os alunos também tiveram uma aula sobre preservação do patrimônio através do Projeto Semente Digital, que tem o financiamento da FAPEMA.

O projeto tem como objetivo conscientizar, principalmente as novas gerações, para a importância de preservar o patrimônio histórico e material de São Luís. A dinâmica escolhida para alcançar este efeito é a utilização de diferentes tecnologia de imagens e produção de conteúdo audiovisual.

“Fica muito mais divertido o aprendizado com essas tecnologias. Era uma coisa que nunca tinha visto, gostei muito de interagir com as imagens”, disse o estudante do 7º ano, Lucas Mendes. “Parece tudo tão real, é muito bacana. É uma aula muito rica fora da sala de aula o que torna o aprendizado menos enfadonho e que chama mais a atenção da gente”, completou Taynara Cabral Pinto.

lab
A partir da proposta de educação patrimonial com tecnologia, o Semente Digital proporciona experiências lúdicas e de entretenimento através das suas mostras interativas. “Este é um projeto pensado para os jovens para desenvolver a ideia da preservação do patrimônio histórico de São Luís para que ele perceba de forma diferente como que a gente pode preservar a maior riqueza que a cidade tem”, explica Márcio Carneiro, coordenador do Labcom.

Através de experimentos interativos utilizando soluções como Photosynth e o Kinect, desenvolvidas pela Microsoft, o projeto consegue atingir seu público alvo com diferentes ferramentas e de um jeito mais efetivo, transformando a visão costumeira que as pessoas tem de uma paisagem inserida no seu dia a dia, com a qual muitos deixaram de se importar, pondo em risco uma das maiores riquezas de cidade.

Outro recurso utilizado no projeto é a Realidade Aumentada. Esta tecnologia possibilita, a partir da interação com elementos virtuais, uma imersão nas histórias dos casarões e personalidades que fazem parte da cultura local.

  Categorias: