São Luis sedia II Oficina de Teoria Quântica de Campos do Nordeste

São Luis sedia II Oficina de Teoria Quântica de Campos do Nordeste
agosto 24 18:58 2011

 

ImagemmmSão Luis sedia, entre os dias 24 e 27 de agosto, a II Oficina de Teoria Quântica de Campos do Nordeste. O evento, que acontece no Praia Mar Hotel, é organizado pelo Programa de Pós-Graduação em Física da  Universidade Federal do Maranhão (Ufma), com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq) e  Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

Imagem_0022O público alvo são pesquisadores e estudantes de pós-graduação para discussões na área de Física. A abertura do evento foi realizada na manhã desta quarta-feira, 24, com a participação do chefe do departamento de Física da Ufma, Carlos Alberto Feitosa; da diretora científica da FAPEMA, Rita Seabra; do coordenador de Pós-Graduação em Física, professor Manoel Messias Junior;  do Pró-Reitor  de pesquisa da Ufma, Fernando Silva; e do Vice-Reitor da Universidade, professor Antonio José Silva Oliveira.

Os membros da mesa elogiaram a iniciativa e destacaram a importância do fórum, devido à relevância das discussões atuais na área. Rita Seabra, diretora científica da FAPEMA, falou da honra da Instituição em apoiar financeiramente a Oficina. “É importante um evento dessa natureza, porque considera a recente aprovação do curso de Pós-Graduação em Física pela Universidade Federal do Maranhão”, frisou.

TEORIA QUÂNTICA DE CAMPOS – O coordenador de Pós-Graduação em Física da Ufma, Manoel Messias Ferreira Júnior, informa que a Oficina reunirá 27 apresentações de convidados de diversos Estados, além de alunos de doutorado e pós-doutorado, que mostram seus trabalhos atuais na área, em temas como “Teorias de Gauge”, “Supersimetria” e “Física Além do Modelo Padrão”. “O objetivo das apresentações é mostrar ao público local a importância da Teoria Quântica de Campos na atualidade”, explica.

A Teoria também explica a Física de vanguarda que está sendo pesquisada nos dias de hoje, e tem conexões com áreas como a cosmologia e as questões tratadas no LHC (Grande Colisor de Hádrons, em inglês), maior acelerador de partículas do mundo, em atividade na Europa. “Os estudos também buscam responder questões fundamentais da natureza, algumas sem resposta desde o início da história da humanidade, como as razões para a acelerada expansão do Universo”, destaca o professor.

 

  Categorias: