Visita à Casa Solar do SENAI: Um mergulho na sustentabilidade

Visita à Casa Solar do SENAI: Um mergulho na sustentabilidade
outubro 24 19:38 2013

DSC 0198A procura por ferramentas que racionalizem o uso da energia é uma realidade em todo o mundo. Ciente dessa necessidade a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) abriu espaço para que a comunidade conhecesse as soluções já disponíveis no mercado que apresentam inovações tecnológicas para as questões ambientais e para a sustentabilidade.

Em São Luís, um grupo de quinze pessoas realizou uma visita ao Centro de Demonstração de Energia Renovável, mantido pelo SENAI e instalado no Distrito Industrial, na BR 135. A “Casa Solar”, como ficou conhecida, é um ambiente inteligente que capta a luz solar para gerar energia e garantir o seu funcionamento. Erguida em uma área de 100m² e de alvenaria, ela tornou-se funcional graças a utilização das placas fotovoltaicas, que funcionam como um sistema de aquecimento solar, com vida útil de vinte anos.DSC 0192

Os visitantes ouviram uma palestra explicativa sobre a maneira como o sistema atua naquele espaço e também puderam conferir na prática a sua aplicação, observando como as luzes acendiam e apagavam a cada movimento e troca de compartimentos, e também conhecendo outras situações em que a engenharia inteligente pode ser aplicada, como em sistemas de bombeamento de água e em uma horta familiar. “A principal vantagem com a utilização dessa energia renovável, por exemplo, é que ela não consome combustível fóssil e praticamente não precisa de manutenção”, explica o engenheiro e gestor da casa Claudionor Silva.

Mas como garantir o funcionamento de uma casa solar em dias de chuva? Essa é uma das dúvidas que mais instiga àqueles que visitam o espaço. Claudionor Silva explica que na sala de controle existem baterias que guardam a energia quando ela não está sendo utilizada. Isso vai garantir que a Casa Solar continue em pleno funcionamento, por até cinco dias, em dias de chuva. Além disso, mesmo quando o céu está nublado, será possível captar os raios solares e guardá-los. “E podemos continuar utilizando todos os benefícios que a casa dispõe, daí a sua eficiência”, ressanta.

DSC 0201A maquete de uma cidade movida a energia eólica, também lembrou que esse outro tipo de energia, gerada através dos ventos, pode garantir a médio e longo prazo novas formas de economia de energia e do benefício da sustentabilidade.

A Casa Solar funciona hoje como um centro de conhecimento para estudantes e está aberta a visitação. “É fundamental que jovem procure se inserir nessa realidade da energia sustentável e essa será uma oportunidade que eles terão de conhecer o funcionamento desse espaço que é um centro de qualificação”, explicou Marco Antônio Moura, diretor regional do SENAI-MA.

Trabalhos Sustentáveis – Durante a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, outros trabalhos sustentáveis vão ser apresentados. Nesta sexta, 25, o pesquisador Veneraldo Costa, apresentará o “Secador de Resíduos Orgânicos Domésticos” que pretende modificar a forma como percebemos lixo. Ele desenvolveu um biodigestor que pode ser adaptado em qualquer espaço na residência e reaproveita os resíduos orgânicos, ou seja, sobras de comida podem ser transformadas em biofertizantes. Já no sábado, 26, uma oficina ministrada por Aline Muniz, vai ensinar a fabricação de produtos de limpeza ecológicos.

  Categorias: