Workshop Infovias é realizado em São Luís

Workshop Infovias é realizado em São Luís
setembro 26 22:09 2013

DSC 2903
A inclusão digital social foi o termômetro para o Workshop Infovias, realizado nesta quinta-feira, 26, pela secretaria de estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – SECTEC. O evento, dividido em duas partes, acontece hoje e amanhã (27) no Hotel Luzeiros.

O projeto Infovias é uma realização do governo do estado do Maranhão, através da Sectec, e vai cabear o estado, por meio de fibra ótica subterrânea e aérea, para dinamizar o acesso á internet banda larga no estado.

A Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão – FAPEMA esteve presente no evento, representada pela coordenadora de Inovação e Empreendedorismo, Hallynne Davynck Moreira.

Estiveram presentes na mesa de abertura o secretário de estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectec), José Costa, o secretário de estado de Planejamento e Orçamento, representando a governadora Rosena Sarney, João Bernardo Bringel, o representante da secretaria de estado de Indústria e Comércio Davi Braga, representando o secretário José Macedo, o representando do Ministério das Comunicações, Américo Bernardes, o secretário adjunto da Sectec, Osvando Saavedra, o secretário adjunto da Universidade Virtual do Maranhão – Univima, José Torres e o presidente da Academia Maranhense de Ciências, Sofianie Labidi. DSC 2920

O secretário José Costa, dando início aos trabalhos da manhã, reforçou o compromisso do governo do estado com a inclusão digital. “Nosso objetivo é levar banda larga de qualidade para todo o Maranhão, não apenas para as maiores cidades”, ressaltou.

A primeira palestra da manhã, ministrada por Américo Bernardes, “O potencial sócio-inclusivo da conectividade digital”, trouxe dados a respeito da concentração de acesso a internet no país e falou sobre o programa do governo federal “Cidades Digitais”, que tem como objetivo modernizar a gestão e o acesso aos serviços públicos nos municípios brasileiros, atuando na construção de redes de fibras ópticas que possibilitem a conexão entre os órgãos públicos, o acesso da população a serviços de governo eletrônico e a espaços de uso de internet. Segundo o palestrante, “o Brasil ainda vive realidades díspares, por isso, vamos investir na economia local, dos municípios. Se não pensamos nas cidades pequenas e nos estados com menor PIB a desigualdade continua”.

O dia seguiu com Eduardo Grizendi, da Rede Nacional de Pesquisa – RNP, com uma palestra sobre o papel da RNP no desenvolvimento de pesquisas que modernizem e desenvolvam à conectividade no país; Cláudio de Oliveira, da Agência Nacional de Telecomunicações – Anatel, que falou sobre a resolução nº 617 de julho de 2013, que regula a distribuição e o acesso à comunicação virtual no país.

Ao final da manhã os palestrantes se reuniram em mesa redonda onde debateram seus pontos e vista e responderam às questões da plateia. O workshop continuou a tarde com mais palestras e mesas redondas.

  Categorias: